Skip to content

A literatura de sabedoria

20/08/2012

1)       INTRODUÇÃO:

Um aspecto universal da sabedoria humana é a ideia de que o conhecimento acumulado pela observação e experiência pode ser ensinado para a geração seguinte[1].

Os ditos de sabedoria já existiam mais de um milênio antes de Israel começar a fazer suas contribuições, no Egito e na antiga Mesopotâmia.

A sabedoria hebraica, no entanto, não se limitava a exaltar o poder da razão humana para dominar os diversos aspectos da vida. O conceito de “Temor do Senhor” era o que diferenciava a sabedoria hebraica das demais fontes de sabedoria do Antigo Oriente Médio.

Sabedoria, originalmente, significava um certo tipo de habilidade técnica, como encontramos, por exemplo em Bezalel e Aoliabe (Êx. 31.1-11). Porém, as conotações filosóficas e intelectuais também são importantes. Assim, podemos associar sabedoria com inteligência, vasto entendimento, experiência ou até bom senso.

Uma definição simples de sabedoria pode ser: a disciplina de aplicar a verdade à vida, à luz da experiência. A sabedoria cristã interpreta nossas experiências de uma perspectiva divina e busca um relacionamento adequado com Deus. Assim, o sábio é aquele que age e pensa de acordo com a verdade, conforme tem sido aprendida através da experiência.

2)       CARACTERÍSTICAS DA LITERATURA DE SABEDORIA

Há, essencialmente, dois tipos de literatura de sabedoria no AT.

O predominante é a sabedoria didática ou proverbial, que consiste nos adágios de sábios ou provérbios populares, os quais trazem lições práticas que visavam ao desenvolvimento do caráter moral, sucesso e felicidade pessoais, segurança e bem-estar.

Nenhum provérbio é uma declaração completa da verdade. Normalmente empregam linguagem figurada para facilitarem a memorização.

O segundo tipo é chamado de sabedoria filosófica ou especulativa. É crítica, reflexiva e interrogativa, pois sonda as questões mais profundas e controversas da humanidade: a origem do mal, o sofrimento humano

O primeiro tipo aparece em Provérbios e o segundo em Eclesiastes e Jó.

Porém, sabedoria não está restrita a estes livros. Temos vários exemplos em Salmos (73, 37) e ao longo das narrativas (a fábula de Jotão em Jz. 9.7-20; o enigma de Sansão em Jz. 14.14).

A sabedoria bíblica apresenta princípios de vida piedosa e defende um conjunto de opiniões que são possíveis de serem aplicados. Não se trata, portanto, de leis ou promessas, são princípios gerais.  As bênçãos, recompensas e oportunidades tem a probabilidade de acontecer.

3)       O TEMOR DO SENHOR

Disse então ao homem: no temor do Senhor está a sabedoria, e evitar o mal é ter entendimento” Jó 28.28

“O temor do Senhor é o princípio do conhecimento, mas os insensatos desprezam a sabedoria e a disciplina” Pv. 1.7

“Agora que já se ouviu tudo, aqui está a conclusão: tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos, porque isso é essencial para o homem.” Ec. 12.13

Segundo a Bíblia, este é o princípio da sabedoria. É o tema organizador de toda a literatura sapiencial, embora não seja um conceito apresentado somente nos escritos sapienciais (ver Dt. 4.10; 5.29; 6.2,13,24; 8.6; 10.12,20; 13.4; 14.23; 17.19; 28.58; 31.12-13)

O israelita considerava a sabedoria um dom de Deus. Mas sem temor de Deus e obediência a ele, a sabedoria estava fadada a derrota por causa do orgulho. Assim, somente quando a sabedoria como uma perícia é subordinada à obediência a Deus é que realiza suas finalidades apropriadas no sentido objetivado pelo Antigo Testamento.


[1] Hill e Walton. Panorama do AT. Pág. 348.

Anúncios
Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: